Doenças de Galinhas: Coriza Infecciosa

A Coriza Infecciosa é causada pela bactéria Haemophilus paragallinarum. Esta doença afeta principalmente galinhas, mas codornas e faisões também podem ser afetadas. A doença é transmitida principalmente pelo contato direto de ave para ave. Além disso, as galinhas também podem contrair a doença por inalação de bactérias presentes no ar e pelo consumo de alimentos e/ou água contaminada.

Coriza Infecciosa

A coriza infecciosa também será disseminada se uma galinha infectada for colocada no galinheiro. Os animais que se recuperarem da doença irão permanecer portando a bactéria no organismo e, algumas vezes, podem disseminar a bactéria ao longo de suas vidas. Surtos de coriza infecciosa muitas vezes acontecem quando elas não estão demostrando sinais da doença e são introduzidos em uma criação saudável.

Sintomas da coriza infecciosa

Os principais sintomas da coriza infecciosa incluem inchaço ao redor do rosto, secreção espessa e pegajosa nas narinas e olhos, dificuldade em respirar, demonstrando agonia. Além disso, as pálpebras de galinhas infectadas podem tornar-se irritadiças e acabar ficando “coladas”. Ela também pode causar diarreia. Aves em fase crescimento podem ficar atrofiadas. A infecção pode reduzir a produção de ovos e aumentar a incidência e/ou gravidade de infecções secundárias.

Tratamento da coriza infecciosa

A mortalidade pode chegar até a 50% das galinhas infectadas. O mais comum é que 20% dos animais não resistam a doença. A coriza infecciosa pode durar tão pouco como alguns dias ou chegar até a alguns meses, especialmente quando ocorrem as infecções secundárias. O tratamento da coriza infecciosa é feito com antibióticos, uma vez que ela é causada por bactérias. É importante que você siga as instruções de uso da medicação. Os antibióticos podem ser eficazes na redução dos sinais clínicos de doença, porém não irá remover por completo as bactérias presentes no corpo das galinhas infectadas.

Prevenindo a coriza infecciosa

Um bom manejo, saneamento rigoroso, e um plano abrangente de biossegurança são as melhores formas de prevenir a coriza infecciosa. A maioria dos surtos da doença acontece quando novas galinhas são introduzidas no criadouro. Por isso é interessante que se faça uma quarentena em tais animais. As vacinas para coriza infecciosa estão disponíveis, mas são necessárias vacinações múltiplas para que sejam eficazes. Se você comprar galinhas de um local que já teve o surto da doença terá que vacinar todas as suas galinhas.

Loading...

Deixe sua opinião

Comentários

Você gosta de criar galinhas?
Então coloque agora o seu melhor email para receber os segredos da criação de galinhas!
Ei, espere um pouquinho!

Antes continuar lendo, coloque seu nome e email para receber gratuitamente dicas e informações sobre como criar galinhas!

x